Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...
Fácil Informática no Sinplo 2014

Fácil Informática no Sinplo 2014

A 9ª edição do SINPLO - Simpósio Internacional de Planos Odontológicos e Feira de Negócios para as operado...

Como ampliar e gerir a rede credenciada?

Um dos grandes desafios dos planos de saúde é disponibilizar aos beneficiários uma rede assistencial que proporcione serviços de saúde de diferentes especialidades, abrangência geográfica adequada e disponibilidade de agenda para atendimento.

Uma rede credenciada bem dimensionada é um diferencial competitivo, pois é um dos quesitos mais valorizados pelos beneficiários dos planos de saúde.

E por que atualmente este assunto é foco da atenção de gestores de planos de saúde?

Porque os beneficiários passaram a demonstrar sua insatisfação com redes assistenciais com capacidade de atendimento insuficiente, o que resultou no aumento de reclamações junto à Agência Nacional de Saúde, que, por sua vez, editou uma Resolução Normativa estabelecendo prazos máximos de atendimento (RN 259), bem como penalidades, que incluem multas e proibição de comercialização para novos beneficiários, entre outras.

Em razão disso, a gestão da rede assistencial, que antes era apenas mais uma atividade operacional, passou a ser um dos desafios estratégicos dos planos de saúde.

Mas como ampliar e gerenciar a rede assistencial?

Utilizando-se de conhecimento técnico especializado, processos de trabalho definidos e instrumentos de controle:

- O conhecimento técnico especializado permite identificar as eventuais carências da rede assistencial.

- Os processos de trabalhos definidos, tornam mais efetivas as atividades de credenciamento, dimensionamento, relacionamento e qualificação da rede de prestadores de serviços de saúde.

- Já os instrumentos de controle servem para monitorar a rede assistencial e, principalmente, prover informações que sirvam para avaliar o desempenho da rede e a satisfação dos beneficiários com os serviços prestados.

Alguns planos de saúde estão conseguindo lidar com estas questões, por meio de:

- Preparação dos profissionais responsáveis pela gestão da rede.

- Melhoria de processos de trabalho e

- Implementação de sistemas de controle que, além de automatizarem tarefas, geram estatísticas para acompanhamento da performance dos prestadores de serviços.

Fonte: Plurall - 15/02/13

Share

Comment function is not open