Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacMobile – Sua empresa na palma da mão

FacMobile – Sua empresa na palma da mão

FacMobile + FacCred O FacMobile cria a conexão perfeita entre as instituições financeiras e seus associados/clientes. Uma fe...
FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...

Políticas nacionais para o cooperativismo chamam atenção dos países do Mercosul

No Brasil, o ministério da Agricultura é a instituição do governo federal responsável pela fomento do cooperativismo.

As políticas públicas de incentivo ao cooperativismo chamaram a atenção de dirigentes de cooperativas do Paraguai, Uruguai e Argentina, que estiveram presentes no auditório da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), nesta quarta-feira (7/7), para conhecer o cooperativismo agropecuário do Brasil. Ruth Páez, da Coordenadoria de Empresas Associativa e Rurais dos Estados, instituição com sede no Paraguai, conheceu um pouco do cooperativismo brasileiro e ficou encantada com o apoio do governo para o setor. "Percebemos que existe fomento, promoção e definição das políticas públicas para vários ramos do cooperativismo".

Da mesma opinião compactuam as representantes do Uruguai e Argentina, respectivamente, Virginia San Martin, da Cooperativa Agrária Federal, e Julia Massigoge, da Cooperativa de Obras e Serviços Sociais e Públicos El éticos da Argentina. Elas fazem parte de um grupo que participa da quarta etapa do Espaço Mercosul de Formação em Economia Social e Solidária (EMFESS) com ênfase em cooperativas. A intenção é formar grupos interessados no desenvolvimento, integração e fortalecimento das cooperativas do Mercosul.

Hoje (7/6) pela manhã, a comitiva foi recebida pelos secretários executivo da OCB, Renato Nobile, e de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Márcio Portocarrero, e pelo diretor do Departamento de Cooperativismo e Associativismo Rural (Denacoop) do Mapa, Daniel Amin Ferraz. Joana Nogueira, assessora Internacional da OCB, falou sobre o trabalho desenvolvido pelas 1.615 cooperativas agropecuárias brasileiras. Ela destacou as vendas diretas do setor ao exterior que, em 2009, somaram US$ 3,63 bilhões, e citou os países que mais compraram produtos cooperativistas - Alemanha, China, Países Baixos, Emirados Árabes e Índia.

Portocarrero e Amim  falaram das atividades do Mapa para o desenvolvimento do setor cooperativista.  No Brasil, o ministério é a instituição do governo federal responsável pela difusão dos valores do cooperativismo , fundamentais para a economia do País. Segundo eles, a atuação do órgão abrange políticas públicas para os 13 ramos do cooperativismo, não se restringindo ao setor agropecuário. As ações do governo federal, em cada ramo do segmento, incluem desde a qualificação da mão-de-obra até a melhoria do processo de gestão das cooperativas.
Para promover uma aproximação ainda mais intensa entre as cooperativas brasileiras e do Paraguai, Uruguai e Argentina, Daniel Amin informou que está em fase de implantação a Oficina de Negócios por meio da Reunião Especializada de Cooperativas do Mercosul (RECM), com o apoio da Agencia de Espanhola de Cooperação e Desenvolvimento. "Queremos aproximar as cooperativas do Brasil, Uruguai, Argentina e Paraguai  para que possamos fazer um levantamento de dados que facilite o fluxo de informação nas negociações dos produtos de cooperativas. Segundo ele, em julho ocorrerá a inauguração da oficina sede, que será no Brasil, no Denacoop. Também já estão previstos escritórios nos outros três países. Amin disse ainda que o Mercosul é o terceiro maior parceiro comercial do Brasil nas exportações.


Fonte: Brasil Cooperativo - 07/07/10

Share

Comment function is not open