Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacMobile – Sua empresa na palma da mão

FacMobile – Sua empresa na palma da mão

FacMobile + FacCred O FacMobile cria a conexão perfeita entre as instituições financeiras e seus associados/clientes. Uma fe...
FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...

Bancos brasileiros investirão mais em TI

SÃO PAULO - A recente guinada na consolidação bancária e a ênfase em ganho de eficiência para cortar custos, em função da crise, farão os bancos brasileiros ampliarem investimentos em tecnologia em 2009, diz a Febraban.

"Já houve um crescimento de cerca de 20% nos gastos do setor com TI no primeiro trimestre, em relação ao mesmo período do ano passado", disse a jornalistas Gustavo Roxo, diretor de tecnologia e automação bancária da entidade, após apresentar os dados do setor referentes ao ano passado.

Em 2008, os gastos com tecnologia consumiram 16,2 bilhões de reais dos bancos de varejo no Brasil, um crescimento de 9% em relação ao anterior, segundo a Febraban.

"Tudo leva a crer que o ritmo de crescimento será ainda maior em 2009", afirmou o executivo.

Boa parte do incremento, explicou, é gerado por bancos que se fundiram recentemente, caso de Itaú e Unibanco, em novembro, e do Banco do Brasil, que comprou a Nossa Caixa, também em novembro, e metade do Banco Votorantim, em janeiro deste ano.

Em outra frente, a desaceleração das receitas dos bancos por causa da crise, que os levou a ampliar o foco em redução de custos, está provocando um aumento do dispêndio com tecnologia, em vez de queda.

"Os bancos estão enxergando esse cenário como uma alavanca para aumentar a eficiência. E a melhor maneira de fazer isso é com a tecnologia", disse Roxo.

De acordo com o profissional, a fatia dos gastos correspondente a investimentos, de 40% do total em 2008, deve crescer nos próximos anos, seguindo a tendência de mercados maduros, onde esse percentual chega a 70%.

"É uma consequência do aumento do uso dos canais eletrônicos para as transações bancárias, que incentiva os bancos a oferecerem mais soluções tecnológicas", disse Roxo. 

Em 2008, 90% das operações bancárias foram realizadas por canais eletrônicos, incluindo o auto-atendimento e o internet banking. No ano 2000, esse percentual era de 80 por cento.

Enquanto isso, o uso de call center e dos cheques manteve no ano passado a tendência declinante, com quedas de 3,3% e de 8,9% respectivamente, ante 2007.

Fonte: INFO online - 04/06/09

Share

Comment function is not open