Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

Um dos eventos mais importantes de 2021 está próximo

Um dos eventos mais importantes de 2021 está próximo

Saiba mais informações sobre o evento em: 12seminario.unidas.org.br
Vendas online Facplan. Digital e flexível para você vender muito mais.

Vendas online Facplan. Digital e flexível para você vender muito mais.

O módulo de Vendas Online do FacPlan chega para facilitar a sua vida em todos os sentidos.- Sem necessidade de integração- Sem necessidade de outro fo...
Grupo Fácil na Fintouch

Grupo Fácil na Fintouch

Saiba mais sobre a Fintouch aqui: https://www.abfintechs.com.br/fintouch
FacMobile – Sua empresa na palma da mão

FacMobile – Sua empresa na palma da mão

FacMobile + FacCred O FacMobile cria a conexão perfeita entre as instituições financeiras e seus associados/clientes. Uma fe...
FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...

Del Grande busca soluções para cooperativas em audiência no Ministério da Fazenda

 A busca por soluções para as dificuldades enfrentadas pelas cooperativas paulistas foi o tema de uma audiência entre o presidente da Ocesp, Edivaldo Del Grande, o secretário-executivo da OCB, Renato Nobile, e o secretário-adjunto de Microfinanças e Política Econômica do Ministério da Fazenda, Gilson Bittencourt, nesta sexta-feira, 23/01, na sede do Ministério, em Brasília. Obter recursos imediatos para capital de giro nas cooperativas agropecuárias e repactuar parte das dívidas anteriores foram os principais pedidos dos cooperativistas, que aguardam soluções para a próxima semana.

 

“Pela importância que o Gilson Bittencourt tem no Ministério, fizemos questão de apresentar nossa preocupação com o atual momento do cooperativismo e da agricultura brasileira como um todo. Como a safra não pode esperar, as soluções precisam ser rápidas e precisas. Vamos aguardar, pois ele mostrou-se muito sensibilizado com os problemas”, disse Del Grande, logo após a audiência.

 

De acordo com o ministro Reinhold Stephanes, o governo prepara uma linha especial com cerca de R$ 2 bilhões disponíveis para capitalizar as cooperativas. “Salientamos durante a audiência que é necessário aumentar esses recursos, para algo em torno de R$ 3,5 bilhões, e, sobretudo, criar mecanismos para agilizar o acesso das cooperativas a esse dinheiro”, disse o presidente da Ocesp. Embora os efeitos da crise já possam ser sentidos nesta safra, a preocupação maior já é com a produção de inverno. “Sem recursos, a safrinha pode ser muito afetada”, alerta Del Grande.

 

Para complicar a situação no campo, os produtores enfrentam problemas climáticos nesta safra, especialmente nos estados do Sul. “Nesse cenário, corre-se o risco de desabastecimento de alimentos. Certamente isso seria terrível para o País”, observa.

 

Vale do Paranapanema – O presidente da Ocesp voltou a cobrar uma posição do Ministério da Fazenda a respeito da situação dos 22 municípios paulistas que decretaram estado de emergência em 2005, a maior parte deles do Vale do Paranapanema. Inexplicavelmente, os produtores paulistas que enfrentaram grandes perdas por causa de problemas climáticos não tiveram o mesmo benefício concedido a outros estados que tiveram problemas semelhantes. "Os produtores desses municípios paulistas só querem um prazo maior para renegociar suas dívidas e não o perdão as mesmas. Eles foram vítimas de intempéries, assim como os outros estados e precisam de recursos para continuar produzindo”, destaca Del Grande.

 

Fonte: Portal do cooperativismo - 23/01/09

Share

Comment function is not open