Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...
Fácil Informática no Sinplo 2014

Fácil Informática no Sinplo 2014

A 9ª edição do SINPLO - Simpósio Internacional de Planos Odontológicos e Feira de Negócios para as operado...

Maioria dos brasileiros aprova uso da biometria para proteção de dados

Mais de dois terços dos consumidores em todo o mundo, ou seja, 67% dos pesquisados confiam nos leitores de impressão digital para validar suas identidades em bancos, agências governamentais e outras organizações, de acordo com levantamento feito pela Unisys, empresa de consultoria e serviços de TI.

Na preferência dos usuários, esse método de identificação ficou em segundo lugar, atrás, por apenas 1%, das senhas pessoais. No Brasil não foi diferente. A maioria da população, 71%, também prefere a impressão digital como método biométrico de identificação. Na escala de preferência, a senha pessoal ficou em segundo lugar, com 67%, e em terceiro, com 60%, leitura de íris.

Em relação à faixa etária, os brasileiros a partir de 55 anos são os menos dispostos a utilizar identificação biométrica. O reconhecimento por foto, porém, foi o método mais rejeitado, com apenas 34% de aceitação. Por outro lado, jovens entre 18 e 34 anos são os mais dispostos a usar soluções biométricas, variando de 72% a 77% o índice de aceitação para impressão digital e senha pessoal.

Outros resultados globais da pesquisa informam que os leitores de impressão digital estão bem à frente na confiança do consumidor em relação a outras soluções biométricas menos conhecidas.

O levantamento também revela que, em relação aos leitores faciais, 44% alegam que se sentem confortáveis com esse método, e de vasos sangüíneos da mão, apenas 38%. Já os consumidores da Malásia, Austrália e Reino Unido são os que mais aceitam todos os métodos biométricos estudados na pesquisa. Além disso, esses três países são mais propensos a aceitar métodos geralmente impopulares em outras partes do mundo.

Os moradores de Hong Kong são os que mais desconfiam de dos métodos de autenticação, inclusive números de identificação pessoal (PINs) e senhas escolhidas pelo usuário. Porém, são os mais propensos a aceitar o uso de impressões digitais como método de identificação.

A Unisys informou que a média global do seu último índice de segurança foi de 130, o que indica um receio moderado quanto à segurança em geral no mundo todo.

Fonte: TI inside.com - 20/01/09

Share

Comment function is not open