Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...
Fácil Informática no Sinplo 2014

Fácil Informática no Sinplo 2014

A 9ª edição do SINPLO - Simpósio Internacional de Planos Odontológicos e Feira de Negócios para as operado...

Lula critica FMI e Bird por não interferirem em países desenvolvidos durante crise

Brasília - Em seu primeiro dia de trabalho depois de voltar das férias, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou hoje (12) instituições como o Fundo Monetário Internacional e o Banco Mundial, por não interferirem nos países desenvolvidos, como fazem quando a crise se dá nos países em desenvolvimento.

“Parece que aquelas instituições, que sabiam tudo quando a crise era aqui, não sabem nada quando a crise é lá. Ou, pelo menos, não têm condições de dar, com a arrogância [com] que faziam aqui, os palpites que tinham que ser dados”, afirmou o presidente, em discurso na abertura da 36ª Couromoda, em São Paulo.

O presidente voltou a afirmar que o Brasil é um dos países mais preparados para enfrentar a crise atual e, a exemplo do que disse hoje, em seu programa semanal de rádio Café com o Presidente, reafirmou que o primeiro trimestre deste ano será um período decisivo. “Se não tomarmos a iniciativa de fazer as coisas acontecerem neste primeiro trimestre, aí, sim, corremos o risco de fazer com que a crise chegue aqui mais forte do que deveria chegar”.

Lula observou que não fazia um pronunciamento há 15 dias e disse que queria ter com os empresários uma conversa otimista sobre os efeitos da crise financeira internacional. Segundo ele, que seu otimismo vem da certeza de que os países ricos são os maiores interessados em que a crise não perdure.

Para ele, o presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, tem um “pepino muito grande” para resolver e, por isso, junto com os dirigentes dos demais países envolvidos na crise, não deverá permitir que os problemas econômicos perdurem por muito tempo

“Com a conseqüência de desemprego, que vai acontecer exatamente nesses países, corremos o risco de uma convulsão social que o mundo desenvolvido não esperava que acontecesse no Século 21”, afirmou o presidente.

Yara Aquino
Agência Brasil - 12/01/09

Share

Comment function is not open