Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...
Fácil Informática no Sinplo 2014

Fácil Informática no Sinplo 2014

A 9ª edição do SINPLO - Simpósio Internacional de Planos Odontológicos e Feira de Negócios para as operado...

DDA será o segundo Big Bang tecnológico bancário, diz Febraban

O prazo de um ano desafia o projeto classificado como segundo Big Bang do
sistema bancário nacional. Previsto para estar em operação no dia 19 de
outubro de 2009, o Débito Direto Autorizado (DDA) deve abalar as estruturas
de cobrança no País, um movimento comparado à criação do Sistema de
Pagamento Brasileiro (SPB), que em 2002 consumiu investimentos substanciosos
em infra-estrutura de TI e resultou na criação da transferência eletrônica
(TED).

O projeto abrange 129 bancos e transfere para o formato eletrônico os
títulos de cobrança dos clientes Pessoa Física e Jurídica que optarem pelo
modelo. O objetivo é processar 50% dos mais de 2,36 bilhões de boletos em
papel processados anualmente até 2012. A primeira fase, não contemplará
faturas de telefone, água e gás.

Leandro Ribeiro, da diretoria de produtos do Banco Real e porta-voz da
Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), crê que a iniciativa trará
melhoria para todos os elos da cadeia de pagamento. O executivo explica que
cada pessoa escolhe o banco no qual quer ver as cobranças existentes em seu
nome e ressalta que a adesão ao DDA não é compulsória por parte do cliente,
mas que os que optarem por registrar suas cobranças em determinada
instituição financeira terão ganhos em comodidade e agilidade. Todo o
processo já nasce em formato digital e identificado através do CPF ou CNPJ.

Sem limites
“O céu é o limite para os níveis de serviço”, comenta Ribeiro. O diretor
salienta que cada banco irá definir a forma como disponibilizará o serviço
aos clientes e que tal postura pode contribuir para elevar a curva de adesão
do modelo de pagamento. Segundo o executivo, alguns podem, inclusive, optar
pela emissão de avisos de novas cobranças registradas no histórico de
determinado cliente por meio de mensagens de celular.

A Febraban estima, ainda, que aumente o número de cobranças registradas por
empresas nas instituições financeiras, processo já bastante comum em alguns
setores econômicos.

O projeto nasce em conjunto com a Associação Brasileira de Bancos (ABBC), a
Associação Nacional de Bancos (ASBACE) e a Associação Brasileira de Bancos
Internacionais (ABBI). Além da Câmara Interbancária de Pagamentos (CIP), que
concentrará a estrutura tecnológica para hospedar o sistema.

Share

Comment function is not open