Categorias

Arquivo

Tweets

Parceiros

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

FacPlan - Software para Operadora de Plano de Saúde

Com o FacPlan, você tem as ferramentas que precisa para  aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, reduzir custos e melhorar seu...
FacCred - Software para Instituições Financeiras

FacCred - Software para Instituições Financeiras

O FacCred é um software integrado de gestão empresarial ERP, desenvolvido para automatizar de forma flexível, segura e altamente ...
Ouvidorias  - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Ouvidorias - Sua operadora já está atendendo aos requisitos da ANS?

Você sabe o que é a RN 323? A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina através da Resoluç&atil...
ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

ANS disponibiliza arquivos da versão 3.02.00 do Padrão TISS

  A Troca de Informações na Saúde Suplementar - TISS foi estabelecida como um padrão obrigatório para as tro...
Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Computação em Nuvem: Solução para seu banco de dados e servidor

Seguindo uma forte tendência na área de produtos e serviços de TI para empresas, a Fácil Informática está ofe...
 FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

FacCard - Sistema eficiente para Administradoras de Cartões

O seu software vira outro tipo de sistema quando você mais precisa? Auge das vendas, equipes a todo vapor e na hora H ele não funciona c...
A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A sua agência de Turismo está atendendo as exigência do Banco Central?

A  sua agência de turismo opera câmbio vende/compra moeda ou cartão pré-pago de viagem?   O Banco Central do Bra...
FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

FacGeo - Divulgue sua rede assistencial e atenda à RN 285

O FacGeo é uma ferramenta desenvolvida para o atendimento à Resolução Normativa (NR) 285 da ANS, que permite a divulga&cce...
Fácil Informática no Sinplo 2014

Fácil Informática no Sinplo 2014

A 9ª edição do SINPLO - Simpósio Internacional de Planos Odontológicos e Feira de Negócios para as operado...

Aparelhos com design sofisticado conquistam consumidor disposto a gastar mais

O luxo pode estar ao alcance do controle remoto, ou mesmo do ouvido. Grandes marcas, como Ferrari e Giorgio Armani, se unem a empresas de telefonia e de eletrônica para oferecer objetos de desejo que custam alguns tantos reais.

O mercado de luxo procura atender consumidores que não se importam em pagar pequenas fortunas, desde que tenham aparelhos diferenciados. Se houver um número limitado de cópias, melhor.

Fascínio

Para Silvio Passareli, diretor do MBA Gestão de Luxo da Faap (Fundação Armando Álvares Penteado), produtos tecnológicos são considerados de luxo quanto têm um design autoral ou um valor agregado, como jóias.

"O consumidor que conhece o mercado de luxo não compra pela ostentação, mas porque conhece a excelência dos bens e produtos, como qualidade, nobreza dos materiais, exclusividade. Eles querem o máximo de performance do produto."

Para o consultor na área de mercado de luxo Luís Henrique Sampaio, da LH Consultoria, a busca é subjetiva.

"As pessoas têm fascínio pelas etiquetas que esses produtos ostentam, elas são capazes de hipnotizar consumidores ávidos por marcas famosas. São símbolos de sucesso, poder, projeção social e, principalmente, de comportamento."

Segundo empresas, a comercialização de produtos de luxo atende à demanda de consumidores, que querem sofisticação em todos os setores -como na sala de estar, com uma TV assinada pelo estilista italiano Giorgio Armani.

Andréia Vasconcelos, gerente de marketing da Motorola Brasil, diz: "A gente trabalha com desejo. E luxo não é nada mais que desejo. Nos associando ao mundo da moda, do design, potencializamos esse desejo de ter, por exemplo, uma Ferrari com você o tempo todo".

A gerente de marketing lembra que, na ocasião do lançamento de um celular com design assinado pela dupla italiana Dolce&Gabbana, chegaram a ser vendidos 3.000 aparelhos em apenas três horas.

Na rede

A exclusividade do mercado de luxo também chega à internet. Redes como a brasileira Coquelux (www.coquelux.com.br) reúnem um público seleto, para quem são oferecidas peças de grandes marcas, com até 70% de desconto. Para fazer parte, é preciso receber indicação.

Lá fora, o Bag Borrow or Steal (pegue uma bolsa emprestada ou a roube; http://www.bagborrowsteal.com/ reúne bolsas de grifes como Chanel e Louis Vuitton.

Os membros do clube pagam mensalidade e têm acesso a diversas bolsas, que são emprestadas, usadas por um tempo e, depois, devolvidas. É o fim do drama "quantos mil gastar em bolsas se por uma centenas de dólares posso pegá-las emprestadas".

 

Fonte: folhaonline.com

Share

Comment function is not open